Pesquisar neste blogue

sábado, 23 de janeiro de 2010

Igreja Paroquial de São Gregório em Arruda de Pisões


A Igreja Paroquial de São Gregório em Arruda de Pisões é constituída por uma nave única com dois altares laterais e cujo tecto é em madeira. No seu interior é de realçar a imagem esculpida em pedra da padroeira que mede cerca de 70cm, policremada e datada do século XVI.
No exterior e no adro que foi reconstruído em 1981, destaca-se o cruzeiro datado de 1734.

O que chama a atenção no exterior da igreja e sobre a porta lateral é a tiara papal aí esculpida.
Sobre essa tiara está gravada a data de 1562 que deve ter sido a data de construção da igreja.

Falando um pouco sobre a tiara papal, que também é conhecida como Tiara Tripla ou Triregnum, é uma coroa tríplice que os papas usavam para mostrar a unidade da igreja e a soberania do papa sobre toda a cristandade. As três coroas simbolizam então a universalidade do poder pontifício (soberano da igreja una, soberano dos estados pontifícios e bispo de Roma).
Apenas no início do século XVI com o Papa Júlio II foram acrescentadas a cruz e o globo sobre as três coroas.
O último papa a usar a tiara foi o Paulo VI que imediatamente após a coroação depôs a tiara e nunca mais a usou (Em 1963)
Como curiosidade foi autorizado durante o reinado de D. João V que o Patriarca de Lisboa passa-se a poder usar no seu brasão a tiara papal como reconhecimento pelo papel que Portugal teve na evangelização do Novo Mundo (este é um privilégio único em todo o Mundo).




Sem comentários:

Enviar um comentário